THINC. quer liderar a revolução do IoT no Brasil

Com faturamento de R$ 15 milhões, empresa capta R$ 5 milhões junto a investidores internacionais

A THINC. acaba de ser lançada com a meta de se tornar a principal referência em internet das coisas (IoT) do Brasil. A marca nasce do reposicionamento da empresa PV Inova com o aporte de R$ 5 milhões de investidores internacionais. A sociedade é formada pelos engenheiros Paulo Lerner, CEO, e Pedro dos Santos, COO e outros sócios. Por mais de dez anos, a atuação da PV Inova era dedicada à rastreabilidade de frota, porém a evolução de sua tecnologia trouxe diversas oportunidades de negócio, ampliando o foco da empresa para IoT. O faturamento, em 2017, ainda sob a marca PV Inova atingiu R$ 15 milhões.

Segundo Paulo Lerner, a companhia traz como diferencial oferecer solução de IOT integradas, de baixo custo e rápida implantação: desde levantamento de oportunidade em campo, desenvolvimento de sensores e controladores, soluções de conectividade, desenvolvimento de aplicativos e sistemas e inteligência de dados – o que ainda é feito de forma apartada pelos demais players do mercado brasileiro. “Temos pelo menos oitenta oportunidades de negócios sendo avaliadas no momento. Em um futuro próximo, todas as empresas serão impactadas pela IoT. As organizações que não se apropriarem dos benefícios dessas tecnologias vão ficar para trás devido a uma ineficiência operacional ou de rentabilidade do negócio”, explica.

De acordo com Lerner, a tecnologia está avançando exponencialmente e abre espaço para as empresas aumentarem o controle sobre seus ativos e processos, melhorar segurança, diminuir perdas e reduzir custos. “Criamos soluções altamente customizáveis que conectam coisas, pessoas, dados e processos. Não só conectamos qualquer ativo a internet, como temos capacidade de ajudar as empresas na busca por eficiência, avaliação de performance e melhoria de processos. Outro diferencial é o nosso IOT Lab que desenvolve em até quinze dias uma prova de conceito, comprovando para os clientes a viabilidade e eficácia das soluções em campo”.

Na opinião de Pedro dos Santos, COO, não há limites tanto para o uso da tecnologia quanto para o crescimento da THINC. “Nós já temos soluções em mais de 150 clientes, de forma direta e indireta. Estamos apresentando crescimento de 50% ao ano. Antes do IoT, as empresas eram míopes, não conseguiam enxergar o que acontecia em campo. IoTpermitirá a digitalização de detalhes da operação que antes não eram passíveis de serem acompanhados e aferidos. A crise fez com que as organizações olhassem para dentro. E nada é mais lógico do que investir em tecnologias para melhorar os processos e controles, que é a expertise da THINC”, analisa.

Por conta do crescimento acelerado, a THINC. irá mudar sua sede, em Botafogo, para o centro do Rio. Hoje a empresa conta com noventa colaboradores no Brasil, quinze desenvolvedores de software na Rússia e uma parceria em Israel para o desenvolvimento e produção de hardwares sob medida, o que aumenta a autonomia da companhia. Em São Paulo, a THINC. fica no prédio do InovaBra Habitat, um ambiente onde empresas, startups, investidores, mentores e empreendedores geram novos negócios e buscamsoluções inovadoras com base no networking e na colaboração.

Site: www.thinc.com.br

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here