Resultados da Febrafar mostram que crise não afetou mercado farmacêutico

Uma crise que não afeta quem tem planejamento. É dessa forma que a Febrafar vem tratando o atual momento do mercado farmacêutico. A federação de redes associativas conta hoje com 57 redes que representam mais de 9.500 farmácias em todo o país.

O modelo associativista aplicado vai muito além da comum compra conjuntas, oferecendo principalmente ferramentas de gestão e conhecimento. “Nossa missão sempre foi ir muito além do modelo que as associações aplicam, hoje temos além de equipe comercial uma área de inteligência e tecnologia que fornecem sistemas como o gerenciamento de programas de fidelidade e outro para coleta e análise de indicadores, possibilitando decisões estratégicas para redes e lojas”, avalia Edison Tamascia, presidente da Febrafar.

Os resultados são vistos nos números que a Febrafar obtém. Em relação a participação de mercado a Federação avançou 5,5% em número de lojas, mas sua participação no faturamento cresceu 9,2%, representando atualmente 10,7% do mercado.

Em relação ao faturamento os resultados foram ainda mais impressionantes, sendo que, números da IQVIA aponta que o mercado farmacêutico nacional cresceu 13,2% em uma comparação de 12 meses findados em abril de 2018, em comparação com o mesmo período do ano anterior, na Febrafar o crescimento foi de 20,2%.

Outro dado relevante é que essas lojas estão presentes em 2.758 municípios e em 25 estados, mais o Distrito Federal. Esse fato mostra nossa grande capilaridade, pode-se afirmar que as lojas ligadas a Febrafar se encontram em cerca de 50% dos 5.561 municípios brasileiros.

“Ponto muito importante a comemorar é que nossas lojas levam aos mais variados municípios brasileiros informações e ferramentas de gestão compatíveis com os grandes centros, possibilitando um grande diferencial para o crescimento dos negócios”, finaliza Edison Tamascia, presidente da Febrafar.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here