Primeiro Marketplace Erótico do Brasil acaba de ser lançado

Apresentação do Portal Apimentou Acontece Durante a Feira “Sexy Fair”, no Rio de Janeiro

Um dos mercados que mais fatura em todo o mundo, cerca de R$ 2 bilhões ao ano só no Brasil, os produtos eróticos cada vez mais ultrapassam as barreiras até os consumidores e se tornam parte da vida dos adultos. A partir de setembro, os lojistas que trabalham com esses artigos e os consumidores vão ganhar um importante aliado: o portal Apimentou.com.br. O site é o primeiro Marketplace do país, desenvolvido com o objetivo de revolucionar a forma como as pessoas compram produtos eróticos por aqui, através da aproximação dos varejistas e o consumidor final. O lançamento oficial para o público será durante a Sexy Fair, principal feira de negócios do setor, que acontece entre os dias 4 e 9 de setembro, no Centro de Convenções SulAmérica, no Rio.

Entre os pontos fortes do portal estão a segurança e a privacidade dos clientes, garantidas através de sistemas elaborados por desenvolvedores que atendem a grandes marcas como Coca-Cola, Ponto Frio, Casas Bahia e Red Bull. “Investimos na contratação dos melhores parceiros e temos orgulho de trabalhar com empresas que cuidam de e-commerces de sucesso no país”, revela Victor Morete, um dos sócios. Para isso, o grupo de investidores – que inclui ainda os empresários Gustavo Paixão e Alexandre Maia -; elegeu como plataforma e estrutura de site a Vtex e realizará os pagamentos através da plataforma Moip.   

Para os lojistas, as principais vantagens estão na facilidade de divulgação dos produtos, que muitas vezes possuem a visualização prejudicada nos espaços físicos das lojas; a isenção de custos fixos, pois o comissionamento ao portal é pago somente no momento da venda; a ampliação da área de atuação, já que é possível vender para todo o Brasil; e a segurança e a transparência nas vendas, pois o pagamento online é realizado automaticamente para o lojista, na hora da compra pelo cliente, por meio de conta separada do portal. O Apimentou cobrará uma taxa sobre a venda, compatível com todos os outros marketplaces do mercado. “É uma comissão muito menor que os custos com as lojas físicas. Aqui, o lojista reduz despesas com aluguel, luz, água, condomínio e folha”, completa Morete. 

Dados do último senso voltado para mercado erótico brasileiro (ABEME), de 2015, apontaram que 83% dos brasileiros admitiram nunca terem consumido produtos eróticos – muitos por medo da entrega e da falta de privacidade, pois nem sempre o sigilo na hora da compra é respeitado – e 66% possui vontade de consumir; as gerações mais novas, entre 20 e 35 anos, nunca tiveram experiência com os produtos; 30% do público é evangélico e 68% é feminino, na faixa etária entre 35 e 50 anos. Mesmo em tempos de economia mais tímida, o menor crescimento desse mercado foi de 8% a.a, nos últimos 5 anos de pesquisa. O Brasil é o maior mercado da América Latina.

Apimentou ainda vai oferecer relatórios periódicos para auxiliar no desempenho das vendas, além de forte investimento em marketing e comunicação. Para os consumidores, o portal também conta com inúmeras vantagens como a facilidade de busca por produtos específicos, discrição na fatura e no recebimento das compras e, ainda, a pesquisa de preços e produtos, que somente o marketplace pode proporcionar. “Será uma experiência diferenciada. Plataformas como IFood e Uber revolucionaram o mercado de delivery de comida e de transporte, respectivamente. Pretendemos fazer a evolução do mercado de produtos eróticos com o Apimentou, através do acesso à informação qualificada e da quebra de paradigmas envolvendo a compra”, explica Morete.  

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here