Grupo FCamara reposiciona marca para chegar aos R$ 200 milhões

A consultoria de TI acaba de anunciar uma nova identidade com o objetivo de crescer ainda mais; mudanças foram desde a cultura interna, segmentos dos clientes atendidos até o visual do site

Com o objetivo de faturar R$ 200 milhões até final de 2020, o Grupo FCamara – empresa que transforma desafios de TI em soluções digitais inovadoras – está renovando a sua marca com mudanças que vão desde a cultura interna, segmentos dos clientes atendidos até o visual do site, que está mais intuitivo e explicativo. Para essa fase da empresa o novo mantra é: transformação cultural, digital e cognitiva.

A marca cresceu no mercado, principalmente atendendo o ramo de e-commerce, mas agora o objetivo é atacar diversos segmentos de mercado, entre eles os de saúde, financeiro e educação. Além de prestar consultoria aos clientes, o grupo foca em especializações de business, digital, data, cloud e people. Para o CEO da empresa, Fabio Camara, a nova identidade representa o que a marca construiu ao longo dos dez anos de mercado.

“As mudanças acontecem todos os dias, temos que estar alinhados com o que a tecnologia traz para os negócios. Não temos medo de transformação e queremos passar de forma clara nosso propósito e, assim, ajudar no crescimento dos nossos clientes”, comenta. Só no ano passado a empresa cresceu mais de 48%.

Como surgiu

O Grupo FCamara tem pouco mais de 10 anos. No início, assumiu projetos de missão crítica e com resultados acima da média, principalmente em e-commerce e varejo. A partir disto, se especializou na utilização de capital intelectual por meio de processos digitais e passou a promover transformação digital com foco em três pilares: experiência do cliente, operações e modelos de negócio. 

Em 2017 criou a Orange Founders – uma Venture Builder que transforma ideias em empresas de sucesso. Após essa novidade, ela se tornou líder no desenvolvimento de soluções digitais e fundou 8 startups, atingindo a escala global. 

O maior diferencial da empresa é como selecionam e formam as pessoas. Fomentadora de uma cultura própria, o Grupo, acredita que todos podem se tornar empreendedores de suas carreiras. Por isso, desenvolveu seu próprio culture code. Nele, os “sangue laranjas”, nome dado aos seus colaboradores, entram em contato com as diretrizes da empresa, como o autogerenciamento e auto responsabilização, focando na formação e incentivo ao desenvolvimento de novas ideias que podem vir a se tornar soluções e outros negócios.

“Promovemos formação interdisciplinar e selecionamos perfis curiosos, proativos, autodidatas e ambiciosos, criando times de alta performance para transformar o mercado. Acreditamos que o nosso maior patrimônio é o capital intelectual e por isto, todos podemos nos tornar empreendedores de nossas carreiras”, finaliza Camara.

Deixe um comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui