Câncer de testículos apavora homens

Pesquisas indicam que mais de 70 mil novos casos devem surgir neste ano. Mal atinge principalmente na faixa etária entre 20 e 40 anos

Dr José Alexandre Araújo
Dr José Alexandre Araújo

Se para homens por volta dos 50 anos o câncer de próstata é o grande fantasma, para os mais jovens o risco está nos testículos. Segundo dados do Instituto Nacional do Câncer (INCA) e da Sociedade Brasileira de Urologia o câncer de testículo é o mais comum em homens entre 20 e 40 anos e corresponde a 5% do total de casos de câncer nos homens brasileiros. E mais: até o fim de 2019 haverá aproximadamente 71 mil novos casos e 9.500 mortes no mundo.

Segundo dados da Sociedade Europeia de Urologia e a da Associação Americana do Câncer a incidência do tumor de testículo vem aumentando nas últimas décadas, especialmente nos países industrializados. Na maioria das vezes, o primeiro sintoma de câncer testicular é a simples identificação de um nódulo indolor, endurecido e de crescimento rápido. Motivo de sobra para procurar um urologista.

“Assim como câncer de mama, o autoexame desempenha papel fundamental para a prevenção e cura do câncer de testículo, que pode e deve ser encontrado em um estágio inicial. A melhor hora para a realização do exame é durante ou após um banho, quando o escroto está relaxado”, indica o urologista José Alexandre Araújo.

Deixe um comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui