Carreira e Tarefas domésticas ainda são desafios para mães modernas

Mulheres antenas no futuro aliam tarefas do lar e construção de carreira, atualização contínua se tornou estratégia eficiente de competição para elas
 
A atualização contínua se tornou estratégia eficiente de competição entre as mamães de destaque. O Conpej oferece cursos nessa nova e lucrativa opção carreira. Até junho, o órgão promove diversas atividades em Salvador, no Rio de Janeiro e em São Paulo, entre outros locais do Brasil.
 
Conciliar a rotina profissional e atividades com os filhos nunca foi fácil. A perita judicial Rita Mendonça, é mãe de duas meninas (4 anos e um bebê de apenas, 10 meses) e entende bem disso. Há quase 20 anos na área de perícia judicial, ela vive na pele a importância da rede de apoio para manter tudo equilibrado, em casa e no trabalho. Muito determinada, nem mesmo a gravidez de 9 meses da primeira filha a impediu de fazer o curso de Documentoscopia no Conpej, em 2014. ‘Vai nascer na sala de aula’, brincavam colegas e professores. “Nem a gestação nem a correria me impediram de buscar mais conhecimentos. Tudo isso significa um futuro melhor para elas duas também”, reforça a mamãe das pequenas Lívia e Letícia. 
 
Referência nacional na formação de novos peritos judiciais, o Conselho Nacional de Peritos Judiciais auxilia profissionais que, assim como Rita, querem investir em nova e lucrativa opção carreira. Formada em Direito, Rita hoje está à frente do escritório próprio e ainda encontra tempo para fazer pós-graduação. Ou seja, é um exemplo típico do aprimoramento como ferramenta de excelência profissional. O mais emblemático, se tornou parceira da antiga chefe nas novas atividades.
 
A mulher perita, Rita pontua, tem rotina atípica, por isso rede de apoio e boa administração de tempo são fundamentais. Afinal, nem sempre é fácil cumprir um prazo. De repente, a coleta do material não aconteceu como deveria e a remarcação fica para o dia do dentista da sua filha. Como faz? “Sinto que muitas vezes não delegamos tanto, pois desejamos que as coisas sejam feitas do nosso jeito, e isso é muito frustrante. Fica pesado. É preciso abrir mão, pedir ajuda. Não dar conta de tudo também é muito saudável”, conclui.
 
ADAPTAÇÕES NECESSÁRIAS – As adaptações na rotina que Rita citou, permitem à mulher perita estar plenamente no seu cargo. Sem ela, o mercado não poderia comportá-las. “Se atualizar é uma excelente estratégia de competição, inclusive entre as mães, que já possuem tantas atividades. Esse é um mercado rentável e bastante extenso, conheço muitos peritos na ativa aos 70, 80 anos. Sem contar o networking, outra ferramenta incrível, presente em todas as nossas atividades”, destaca o presidente do Conpej. José Ricardo Rocha Bandeira.
 
SOBRE O CONPEJ – Referência nacional na formação de novos peritos judiciais, o Conpej (Conselho Nacional de Peritos Judiciais da República Federativa do Brasil) realiza cursos em várias cidades do Brasil direcionados aos profissionais que buscam mais oportunidades no mercado. Até junho, o órgão promove cursos de Grafotécnica, Perícia e Avaliação Imobiliária, em Falsidade Documental e Perícia Judicial no Rio de Janeiro, São Paulo e Salvador. O site do órgão mantem detalhes e agenda completa e atualizada das atividades em todo o Brasil. 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here